Ornamentais

O cultivo de cavalo marinho H.reidi na PRIMAR iniciou-se a partir da tese de mestrado em bioecologia aquática de Marcos Freire, que identificou dezenas de espécies de peixe e demonstrou a alta biodiversidade da ictiofauna na fazenda. As espécies foram classificadas pelo autor pelo seu potencial para aquicultura, comércio e ornamento, dentre elas o H.reidi. A seguir o Marco Tulio fez sua monografia sobre o cultivo de H.reidi e foi super bem sucedido. Na primeira tentativa teve sobrevivência de 85% na larvicultura e produziu cerca de 2000 cavalos. Nosso trabalho foi publicado mais tarde, também com a participação do Dr.Felipe, na Panorama da Aquicultura e no congresso WAS no México.